Páginas

Loading...

sábado, 28 de dezembro de 2013

Fim do Ano e o Acordo Ortográfico


Hoje faz um ano que a Presidente Dilma Rousseff assinou o decreto colocando o fim do período de transição para 31 de dezembro de 2015. Com isso, o Movimento Acordar Melhor chegou a seu objetivo: sensibilizar o governo brasileiro para um novo debate sobre o Acordo Ortográfico.

Com a posse do Professor Ernani Pimentel como Presidente do Centro de Estudos Linguísticos da Língua Portuguesa, da Academia de Letras de Brasília, este deu prosseguimento à discussão sobre o Acordo Ortográfico, apontou os problemas do Acordo e fez suas críticas no Grupo de Trabalho em Portugal.

Claro que a consulta não deve ser feita à população em geral porque um usuário da língua não entende o seu funcionamento como o fazem os especialistas.  Por melhor que seja um escritor, na qualidade de usuário da língua, ele não tem o suporte técnico para demonstrar as melhorias.

Em Portugal, o Professor Ernani Pimentel sugeriu que os especialistas da Associação Portuguesa de Linguística, os especialistas do Instituto de Linguística Teórica e Computacional fizessem, juntos, um trabalho de estudos e pesquisas em relação ao Acordo Ortográfico. Aqui no Brasil, a proposta é a mesma, contando com a Academia Brasileira de Filologia, a Associação Brasileira de Linguística e a Associação de Linguística Aplicada do Brasil.

Não só Portugal e Brasil, os outros países deverão apresentar uma proposta até o final do semestre de 2014, quando acontecerá o Simpósio Liguístico-Ortográfico da Língua Portuguesa, na Academia de Letras de Brasília.

Muita coisa ainda pode acontecer até 31 de dezembro de 2015

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Gramática pela Prática


Gramática pela prática apresenta uma metodologia inovadora que desloca o foco do "como se ensina" para o "como se aprende", instigando no estudante um assimilar, aprender com autonomia que se realiza por meio da observação de gráficos, análises, raciocínios e deduções lógicas referentes ao sistema linguístico. Em suas páginas, o aluno revela-se um coautor capaz de, a partir da competência adquirida pela prática, chegar a elaborar com proficiência as definições e teorias.

Edição Revista e Ampliada conforme a Nova Ortografia; 

Acréscimo do capítulo "Estruturas e Formação de Palavras"; 

Ampliação do capítulo de Ortografia" com as regras do Novo Acordo de forma didática e diferenciada do texto geral; 

Inserção de conceitos e exercícios.

Autor:

Ernani Pimentel

Ex-seminarista, gramático com formação em Língua Portuguesa, Latim e Linguística pela USP.

Postagens populares