Páginas

Loading...

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

PEN Internacional condena o Acordo Ortográfico




A organização literária PEN Internacional condenou por unanimidade o Acordo Ortográfico (AO), dizendo em comunicado que a estandardização da língua portuguesa é uma proposta de natureza administrativa e comercial. Tentar centrar uma língua nestas propriedades "é enfraquecê-la", defendem.

Numa nota assinada por Tereza Salema, Presidente do PEN Clube Português, e Maria do Sameiro  Barroso, vice-presidente, que levaram o tema ao 78º Congresso do PEN Internacional, que reuniu até sábado na Coreia do Sul delegações do PEN de 87 países, as dirigentes  escreveram que "todos sentiram o caráter nocivo e desestabilizador de uma medida que fere os princípios pedagógicos da democracia, nomeadamente a intenção de contribuir para um aprofundado contato de amplas camadas das populações com a diversidade linguística e a herança cultural".

O tema já tinha sido levado à comunidade internacional em junho deste ano quando o PEN Clube Português se mostrou preocupado com a discórdia em torno do AO. Na altura a organização lamentou a medida e sublinhou a falta de opções para os escritores que são contra a sua aplicação, argumentando que esses ou se submetem à nova ortografia, mesmo que vá contra os seus ideias, ou correm o risco de não verem as suas obras publicadas.

Fonte: http://ilcao.cedilha.net/



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog

Postagens populares